Crise dos Periódicos

csp_artigos2

Os periódicos científicos são o principal meio ou instrumento utilizado no processo de comunicação científica e por isso tem uma importância muito relevante para todos os utilizadores desta área.
Por volta dos anos 90 começaram a surgir diversos entraves que ainda nos dias que correm são sentidos, como o alto custo da assinatura (tanto para particulares como para sociedades), dificuldade em publicar em dia, restrições quanto o tamanho das publicações, aumento significativo da quantidade de títulos, entre outros.

A todos estes obstáculos causaram a chamada “Crise dos Periódicos”, onde começou a existir a impossibilidade de as bibliotecas universitárias e de pesquisa continuarem a manter suas coleções de periódicos e a corresponder a uma crescente demanda de seus utilizadores, impossibilidade decorrente da falta de financiamento para a conta apresentada pelas editoras, cada ano mais alta, mais alta mesmo que a inflação e outros índices que medem a economia.

Assim, novas alternativas para os periódicos científicos foram procuradas. O estado de desenvolvimento da tecnologia de informação na época permitia antever muitas possibilidades, criando assim Repositórios Científicos e Bibliotecas Online, ou seja, bases de dados que contenham informação científica livre e gratuita que pode ser utilizada de uma maneira mais ágil e satisfazer cada vez mais as necessidades dos utilizadores.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s